Aprenda mais sobre os compostos de quaternário de amônio (CQAs), desinfetantes largamente utilizados na produção animal em todo o mundo e presentes no TH4+, da Theseo Saúde Animal

O mercado brasileiro é destaque no cenário mundial de produção de proteína animal por ser um dos mais baratos do mundo, principalmente para a avicultura e suinocultura, altamente competitivas a nível global. E isto se deve, entre outros fatores, às melhorias em setores de genética, nutrição, manejo e biosseguridade.

E entre as principais classes de desinfetantes utilizados na produção animal, encontram-se: quaternários de amônio; glutaraldeído; desinfetantes oxidativos como compostos de cloro e ácido peracético; componentes fenólicos, entre outros. Você sabe como alcançar mais eficiência no combate à microrganismos da granja? A Theseo compartilha com você informações sobre os compostos de quaternários de amônio, desinfetantes largamente utilizados na produção animal em todo o mundo.

Biosseguridade faz a diferença na granja
Os programas de limpeza e desinfecção são fundamentais para reduzir a contaminação ambiental de instalações animais, limitando a multiplicação de agentes infecciosos e otimizando resultados dos lotes. Um dos principais fatores para um programa de limpeza e desinfecção sólido é a escolha de produtos, como detergentes e desinfetantes, com indicação de uso veterinário e registro no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Dentre as principais medidas de biosseguridade, encontram-se: granjas de idade única trabalhando em sistemas “all in all out”, vazio sanitário entre lotes, controle de fluxo de veículos e pessoas, controle de pragas e limpeza e desinfecção.

Desinfetantes e detergentes: você sabe usar corretamente?
Os compostos de quaternários de amônio (CQA) são desinfetantes largamente utilizados na produção animal em todo o mundo. Os CQAs possuem atividades surfactantes, sendo considerados tensoativos catiônicos.

Entretanto, os CQAs são utilizados incorretamente na produção animal brasileira, como substituto de detergentes, mas possuem baixa capacidade de limpeza comparada a detergentes aniônicos e não iônicos. Por este motivo, a Theseo Saúde Animal não recomenda a utilização de quaternários de amônio como agente de limpeza.

Como funciona o modo de ação do CQA?
Os compostos de quaternários de amônio (CQAs) atuam causando desnaturação e quebra de complexos lipoproteicos da parede celular e do citoplasma bacteriano, resultando em liberação de enzimas autolíticas, nitrogênio e potássio das células. Os CQAs não são corrosivos para metais, degradam-se rapidamente no meio ambiente e tem ampla faixa de atuação de pH.

Por essas características, eles são comercializados de forma pura, em concentrações que variam de 30 a 80%, ou ainda em associação com outras classes de desinfetantes, como o glutaraldeído, o que aumenta o espectro de ação do produto.

De gerações em geração: conheça a evolução dos CQAs
Existem diversas gerações de CQAs, desde a primeira até a sétima geração. A estrutura química dos CQAs depende de porções alifáticas ou aromáticas ligadas ao átomo de nitrogênio (TEZEL, et al., 2015).

No mercado brasileiro, são encontrados vários produtos que associam quaternários de amônio de primeira geração com glutaraldeído. Entretanto, devemos dar preferência a desinfetantes que utilizam gerações superiores de quaternários de amônio, como o TH4+, da Theseo Saúde Animal. Ele conta com a quinta geração de quaternários de amônio, conferindo várias vantagens sobre desinfetantes comuns, que resultam em um processo de desinfecção mais eficiente. Confira algumas vantagens de TH4+:

Maior atividade desinfetante
O gráfico demonstra que, para inativação de agentes como P. aeruginosa e S. aureus, é necessário uma dose até oito vezes maior de quaternários de amônio de primeira geração comparada com quaternários de amônio de quinta geração.

  • Maior eficiência utilizando água com diferentes níveis de dureza

    Já este gráfico demonstra que, para níveis de dureza baixos, não há diferença significativa de concentração entre as gerações de CQAs. Entretanto, quando o nível de dureza aumenta, observa-se superioridade no desempenho para o CQA de quinta geração, sendo necessário menor concentração de ativos contra o patógeno avaliado.

  • Melhor atuação sob presença de matéria orgânica

    O gráfico ainda demonstra superioridade do CQA de quinta geração contra P. aeruginosa em superfícies limpas e sujas, com diferentes graus de sujidade (0,3%; 0,6% e 2%).

    Quaternários de amônio de geração avançada é TH4+

    O TH4+ da Theseo Saúde Animal conta com 30 anos de experiência no mercado internacional e é comercializado em diversos países. Possui formulação única de amplo espectro, integrando a quinta geração de quaternários de amônio, glutaraldeído, óleo de pinho e terpineol, além de ser eficaz contra bactérias, vírus e fungos. Mantenha sua produção animal segura e livre de patógenos contando com esta solução da Theseo Saúde Animal. Quer saber mais? Acesse: https://bit.ly/2KefMFg.

Entre em contato