Desde 2018 notícias recorrentes sobre o surto de PSA (Peste Suína Africana) explodiram pelo mundo, sendo a China o país que mais sofreu com a doença, abatendo grande parte do rebanho de suínos. Porém, hoje já nos deparamos com países que erradicaram a PSA, como a República Tcheca, que adotou diversas medidas efetivas que erradicaram o problema. Mas como o país atingiu esse feito? Acompanhe as atitudes tomadas que levaram ao fim do surto:

Vigilância detecção:

A República Tcheca identificou o primeiro caso de PSA em porcos selvagens, abatidos em 2017. Já os últimos casos ocorreram em fevereiro de 2018, (encontrado em animais mortos). Para evitar que a doença se espalhasse, foi feito um levantamento da área de circulação destes animais, determinando as zonas de alto e de baixo risco sanitário. Assim foi possível isolar os casos e evitar que a PSA atingisse a criação de suínos industrial.

Recolhimento de carcaças de Suídeos contaminadas

Identificados os animais infectados e já mortos, estes foram recolhidos e medidas de biossegurança foram aplicadas nos locais, assim evitando que outros animais tivessem contato com a doença. Neste meio tempo, a caça e alimentação de porcos selvagens foi proibida. A área de alto risco foi demarcada para nenhum animal sair ou nenhuma pessoa entrar. Como medida de segurança, a população de porcos selvagens contaminada começou a ser abatida de forma controlada.

Biosseguridade nas granjas

Além da proibição da movimentação e transporte de suínos domésticos, as inspeções de ambiente foram reforçadas e medidas de higienização e desinfecção viraram uma rotina para as granjas. Foram realizadas campanhas de conscientização pública, mantendo não apenas os produtores, mas a população informada sobre o controle da PSA.

A importância de um ambiente adequado

Com o ambiente externo controlado, há a importância de se manter as granjas e instalações livres de focos de doenças e pragas. Para isso, a Theseo conta com linhas de produtos que atuam na limpeza e desinfecção de ambientes, sendo aliados de um programa intensivo de biosseguridade.

Conheça a Theseo: https://theseo.com.br/pt-br/loja/produtos.htm

Entre em contato